ágata

ágata significa “boa”, provindo do grego “agathe” e “agathós”, os quais querem dizer “bondade, virtuoso, perfeito e bom”. também remete à santa ágata, padroeira dos seios, e ao primeiro aniversário de sua morte, que demonstrou um milagre relativo à lava; lavínia... acaba por ser um nome associado ao quartzo, a pedra ágata, que simboliza cura, equilíbrio, harmonia e protege quem as usa; além de unir-se aos atributos de ágata enquanto uma pessoa térrea, do signo touro, de cerne ligado às raízes e as riquezas provindas do solo.

há, ademais, os simbolismos enlaçados ao amor ágape – o amor incondicional à humanidade –, e a ágape enquanto uma festividade antiga dos cristãos primitivos para celebrar o rito eucarístico.

angeli

“angeli” foi o sobrenome adotado à ágata no convento do vale das camélias, o qual alude-se às qualidades angelicais. ágata, entretanto, por mais que seja desinteressada em sua bondade, não se aproxima-se da natureza ígnea dos anjos; ela é afogada na malacia e sabedoria térreas e chega perto, sem esforço, da santidade... os anjos se refletem muito mais em sua amada, a crendeira e impetuosa lavínia. por isso os serafins deram-lhe tal nome... ágata jamais seria só ágata. está sempre unida, mesmo em palavras, ao que representa sua enamorada.

mapa astral

cinco de maio, ano de são francisco

sol em touro

lua em câncer

ascendente em touro

meio do céu em peixes

mercúrio em gêmeos

vênus em touro

marte em libra

personalidade

funções cognitivas: enfj, fe-ni-se-ti

eneagrama: 2w1, 296 (9w1, 6w7), so / sp

temperamento: sanguínea-fleumática

estudo de personagem

questionário de marcel proust

qual sua posse mais benquista?

“nada possuo – tudo é de Deus.”

“(lavínia.)”

qual considerarias tua maior conquista?

“não diria que tive, em vida, o que muitos chamariam de conquista – nada que toca-me as mãos proveio dignamente de um trabalho que as tenha ferido, ou de um suor que as tenha molhado. mas tenho flores... tenho as laudas antigas recheando as escrituras... tenho Deus, oferecendo a Verdade e amofinando com Ela ao meu coração de lascívia... fui por nosso Salvador amada e acolhida, e agradeço a Ele, à Virgem e a todos os santos por viver entre aquelas que posso chamar de família.”

“(talvez, porém, o mais grandioso de meus êxitos seja a capacidade – esta que sei vir de uma lavra íntima, que sai deste meu imo... que é de minha posse, que é só e apenas minha... – de acalmar as lágrimas e os pesadelos de minha lavínia. a cada dia de minha amada amiga, eu seco com meus lábios qualquer cissura sua, eu afago com os meus dedos qualquer algia…)”

qual sua ideia de felicidade perfeita?

“o Estado de Graça; o perfeito enlace com Deus... ou, de maneira mais rotineira: meus joelhos beijando o chão frio da Catedral, minhas mãos beijando as pomas do rosário, e meus lábios beijando a reza...”

“(o enlace perfeito com lavínia... meus joelhos beijando a grama aos seus pés, minhas mãos beijando seus seios, e meus lábios beijando os seus.)”

qual o presente estado de seus pensamentos?

“a malacia, a calmaria. desenha-se à minha mente o lume amarelando a madeira lassa da janela de meu quarto, os vitrais pintando o antigo chão, as palavras latinas cariciando as páginas da Bíblia.”

“(e um par de olhos liláceos dando sua cor à uma árvore apequenada, e um infinito de fios finos entrelaçando-se ao sol que Deus pare em tom de brancosa ira; e uma face frágil, lívida; e uma boca delicada e franzina…)”

qual sua ocupação predileta?

“rezar. aprender com as noviças, ouvir os sermões da madre, levar risos às suas bocas... cheirar as cravinas e as papoulas... confessar-me...”

“(ocupo-me de lavínia.)”

qual sua característica mais marcante?

“minha fé, minha devoção...”

“(meu amor por ela... por ela, por ela...)”

quando e onde foste mais feliz?

“(nossa clareira... um verão alvitante alfinetando-nos a pele... lavínia cai, fere seu joelho; chora, estremecendo em seus lábios uma pálida rosa. eu sento, ponho a perna lhana sobre a minha, inclino-me à minha menina, e lambo o sangue que pranta de sua ferida; jamais deixo de fitá-la... a palidez, sob o meu fitar, some: a face e as madeixas arruivam-se sob o sol. a lilás em seus olhos floreia e beira o branco. ao terminar de limpar minha menina com minha língua, beijo, leve, o canto de seu joelhinho fino, e sei que mesmo meu tênue toque pode lanhá-la, mas não me aflijo... a pele amacia-se tão veludosa em meu carinho, e a esculpo com minha fenda como meu Deus esculpe seus filhos. finalmente, ergo à fronte, rente à sua; lavínia arfa à minha face; sua boca é um aroma de frésias. suas mãos, súbitas e acaloradas, embalam-me o cenho, e ela sorve seu – nosso... – sangue de meus lábios com o seu delicado bico, que não mais em dor tremula... e suas lágrimas, elas carinham-me as bochechas, lavando em saliva e o choro os laivos, e não mais estilam em tristeza.

ela beijou-me, beijou-me, beijou-me, e o sol quis afanar-lhe a fúria e a quentura, e as flores cobiçaram as suas pétalas de sabor de néctar e de açúcar; ela beijou-me, beijou-me, beijou-me, como Jesus beijara aos discípulos, como uma ave beija seu implume, como a relva beija o feno, como os galhos beijam os ninhos...)”

do que menos gostas?

“de qualquer coisa que me distancie de Deus.”

qual o teu maior medo?

“(perdê-la.)”

qual tua maior extravagância?

“(tê-la.)”

qual o teu maior arrependimento?

“(simultaneamente, a minha maior alegria: amar lavínia.)”

que talento tu mais gostarias de ter?

onde tu gostarias de viver?

o que tu consideras a mais baixa profundidade da tristeza?

qual a qualidade que mais gostas em um homem?

qual a qualidade que mais gostas em uma mulher?

qual o traço que tu mais detestas em si mesma?

qual o traço que tu mais detestas em outras?

o que tu mais valorizas em teus amigos?

qual o teu herói preferido da ficção?

quais são teus heróis na vida real?

que pessoa viva tu mais admiras?

qual tu consideras a virtude mais sobrestimada?

em que ocasiões tu mentes?

que palavras e frases tu mais usas?

se tu pudesses mudar algo sobre tu mesma, o que seria?

quais são teus nomes prediletos?

como gostarias de morrer?

caso tu morreste e voltasse como uma pessoa ou coisa, o que tu gostarias que fosse?

qual o teu lema?

aparência física

nov 17 2022 ∞
nov 26 2022 +