|datas|

    • ✔ enviar resumo expandido de 3/8/20 até 21/8/20
    • apresentação nos dias 29 e 30/10/10
    • ✔ inscrição

|relatórios|

    • resumo expandido pasta
    • new
    • preciso fazer pra agora
      • ✔ finalizar a discussão
      • ✔ arrumar o resumo expandido
      • ✔ corrigir tudo pra enviar pelo site
        • ✔ colocar a chave inteira
        • ✔ discussão
      • ✔ slides da apresentação: faltam conclusões
        • cronometrar o quanto fica pra cada slide (~1min) ⇢ caso contrário, tirar informações irrelevantes (kind of)

|editando relatórios|

    • discussão: como foi elaborada a chave? ✔ porte ✔ endemismo ✔ categoria de ameaça de extinção da maioria ✔
      • ✔ a maioria apresenta flor e fruto para descrição reprodutiva, mas algumas não! por isso, referenciar os autores
      • ✔ tem uma delas, que não tem filotaxia alterna / N. oppositifolia /
      • ✔ ameaça de extinção delas
      • ✔ importância econômica delas
      • ✔ são nativas?
      • ✔ de acordo com levantamentos realizados, elas ocorrem onde? (seja na área de estudo ou formação vegetacional)
        • ✔ a maioria das espécies são raramente coletadas em locais secos, principalmente E. paniculata, como também relatados em estudos por Chanderbali (2004)
      • ✔ anteras de deiscência valvar, com 4 verticilos - confirmar literatura
      • ler os artigos das que tem morfo anatomia das flores e comparar com a minha descrição
    • responder as modificações da kazu:
      • ✔ onde N. megapotamica foi coletada? descrição
      • ✔ Zanon et al. 2009 ⇢ tirei os outros e deixei só ela
      • ✧ bege??????
      • ✧ mais info na chave?
      • ✧ Em relação ao número de indivíduos, de acordo com Rohwer (1993a), Lauraceae apresenta cerca de 50 gêneros e entre 2.500 e 3.500 espécies registradas no mundo?.
    • revisar todo o relatório
      • ✔ sinopse
        • few mistakes here and there. editei e reestruturei alguns parágrafos, arrumei as referências.
        • o que sobrou pra fazer? levantamentos anteriores e área de estudo: área de estudo não vou incluir pq as informações são muito técnicas, fica irrelevante falar do rio se eu quero falar da vegetação depois; o que raios eu quis dizer com "levantamentos"?
        • QUASE certeza que laurinhas não tem lenticelas tho? pesquisei e nada aparece nas chaves
      • fenologia depois de finalizar problemas da sinopse
    • ✔ relatório técnico final da sinopse ⇢ preencher metodologia e resultados just in case!!!

|artigos&resources|

    • Flowering Phenology: An Example of Relaxation of Natural Selection? (OLLERTON; LACK, 1992)
      • ♡ "It has also been shown that the amount of DNA in the cells of plant species is correlated with timing of growth and, frequently, flowering time." ♡
    • morfo-anatomia de algumas espécies: N. megapotamica O. puberula; domácia em Ocotea;

|to-do|

    • segundo a classificação de Köppen, qual clima é a região da área de estudo? r: subtropical?
    • quais as estações meteorológicas da área? r: as que fazem parte do PELD são as de Porto Rico/PR, Rio Baia & Rio Ivinhema
    • laurinhas têm lenticelas? r: NOPE !

|área de estudo|

    • "A formação Floresta Estacional Semidecidual Submontana encontra-se, atualmente, praticamente extinta, segundo Campos e Souza (1997), devido a intensas atividades antrópicas, como a exploração seletiva de madeiras."
      • A mata do Araldo, margem esquerda do rio, em Porto Rico/PR, ainda abriga algumas características dessa formação florestal, que se aproxima da margem e se separa dela, dando abrigo a espécies mais resistentes à inundação sazonal da região.
    • esse artigo de cartografia da piap
      • "A Planície Fluvial ou Unidade Rio Paraná constitui o patamar mais baixo, adjacente ao Rio Paraná, com largura que varia entre 7 km e 10 km na região de Porto Rico/PR. Na Planície Fluvial, tanto a declividade quanto as diferenças altimétricas são muito reduzidas, de forma que a vegetação é a principal responsável pelo realce das formas de relevo."
      • "Segundo Souza Fº. (1991), as feições existentes na superfície da planície fluvial são resultantes da superposição de um sistema anastomosado, que esteve ativo antes da implantação do atual padrão do canal, sobre os depósitos resultantes da dinâmica presente do Rio Paraná."
      • "Como principais feições herdadas do sistema anastomosado, estão os diques marginais, os canais, os leques de rompimento de diques e os baixios da bacia de inundação. Representando as feições relacionadas ao atual padrão de canal, estão as barras e as áreas de acumulação associadas aos baixios e lagoas."
    • esse que fala sobre as margens e os afluentes
jul 19 2020 ∞
sep 1 2020 +